WPO - ok

Organização Mundial de Embalagem e UNIDO assinam Memorandum of Understanding durante reunião no Rio de Janeiro

A assinatura oficial aconteceu hoje, às 14h00, durante a cerimônia de abertura do

Seminário Internacional “A contribuição da embalagem na redução de perdas e desperdício de alimentos”

 

Ontem, 7 de Novembro, às 14h00, no Hotel JW Marriott no Rio de Janeiro, a WPO (World Packaging Organization – Organização Mundial de Embalagem www.worldpackaging.org) e a UNIDO (United Nations Industrial Development Organization – Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial) assinaram um Memorandum of Understanding (MOU – Memorando de Entendimento) para uma cooperação estratégica na área de capacitação em embalagem. O objetivo, de acordo com o MOU, é “alcançar os objetivos declarados mutualmente no compromisso da UNIDO com o desenvolvimento industrial inclusivo e sustentável”.

 

O Memorando foi assinado pelo Presidente da WPO, Thomas Schneider e pelo representante da UNIDO no Brasil, Alessandro Amadio, durante a cerimônia de abertura do Seminário Internacional “A contribuição da embalagem na redução de perdas e desperdício de alimentos”. O Seminário e outras atividades são parte da semana da WPO no Brasil (07-10 Novembro) que também incluirá a Reunião do Board da WPO e o julgamento do prêmio WorldStar, o mais importante do mundo na área de embalagem. Todas as atividades estão sendo organizadas pelo membro local da WPO, ABRE (Associação Brasileira de Embalagem – www.abre.org.br).

 

Basicamente, o programa de cooperação entre a WPO e a UNIDO, abrange três áreas:

·       Desenvolvimento e implementação de treinamento especializado e criação de progamas de capacitação em embalagem;

·        criação de centros nacionais de embalagem em países em desenvolvimento para garantir diversos serviços como design de embalagem, rotulagem, revisão de termos legais de rotulagem e treinamentos em embalagem;

·        promoção e organização de premiações para estudantes e indústrias de embalagem.

 

Este acordo tem como base a iniciativa da UNIDO no Líbano que resultou na criação do Centro de Embalagem do Líbano (Libanpack http://www.libanpack.org/) como uma entidade focada na iniciativa privada, dedicada a suportar as indústrias de embalagem locais, além de projetar o já bem sucedido Arab Starpack Contest (http://www.arabstarpack.org/) lançado em Maio de 2017.

 

Além do acordo com a UNIDO, a WPO já participa de outros programas internacionais, como o Save Food, uma iniciativa da FAO (Food and Agriculture Organization – Organização de Alimentos e Agricultura), braço da ONU (Nações Unidas) e Messe Düsseldorf. Institucionalmente a WPO – por meio de seus membros (associações e institutos de embalagem) – também objetiva educar profissionais de embalagem e a sociedade sobre importantes valores da embalagem. “Somos defensores da embalagem: boa embalagem, embalagem com bom custo-benefício, embalagem que contribua com a criação de uma sociedade mais sustentável. O mundo não existe sem embalagem, temos que educar as pessoas em todo o mundo a respeitar o propósito da embalagem e ensiná-las a incorporar esta ferramenta ao processo de construção de um sociedade mais sustentável,” explica o Presidente da WPO, Thomas Schneider.

 

Cerca de 20 membros da WPO, representando 16 países, estão no Rio de Janeiro para participar dos eventos. Eles votarão em 322 embalagens – de 38 países – inscritas no WorldStar Award 2018. Rio é oficialmente a última reunião de Thomas Schneider como Presidente da WPO após dois mandatos. O australiano Pierre Pienaar foi eleito Presidente da WPO em Maio, durante a Interpack 2017; ele está participando da reunião do Brazil, mas seu mandato começa, oficialmente, em Janeiro de 2018.

 

 

Fonte: Comunicação & Inteligência em Negócios

 

 

 

 

 

 

 

Os textos publicados neste espaço são de responsabilidade única de seus autores e podem não expressar

necessariamente a opinião do Portal.